DESTAQUES

O que fazer quando uma mulher canta seu namorado na sua cara?

Anette Lewin 01/01/2016 COMPORTAMENTO
Melhor modo de acabar com uma intromissão indesejada é ignorá-la

por Anette Lewin

"Estava de mãos dadas com meu namorado quando isso ocorreu, ele ficou vermelho que nem tomate. Fiquei com raiva de mim mesma por não ter feito nada. Como superar isso?"

Resposta: Será que você não fez nada ou optou por tomar uma atitude discreta calando-se e evitando entrar numa discussão que a exporia publicamente?

Muitas vezes acabamos confundindo discrição com omissão. Seu namorado, nitidamente, não deu muita bola para a "cantada". Muito pelo contrário, ficou constrangido. Em momento algum você descreve alguma atitude dele que colocou a relação de vocês em cheque. Então para que criar uma situação em que você apenas se fragilizaria e ele sairia com a imagem do homem poderoso disputado por duas mulheres?

O importante num relacionamento amoroso é o que acontece entre o casal. Quanto mais o casal compartilha situações que criam cumplicidade, mais forte se tornará esse relacionamento. As tentativas de interferência de terceiros não devem ser levadas muito a sério, porque elas são inevitáveis. Sempre haverá uma mãe, um irmão, uma vizinha ou mesmo, como no seu caso, uma "concorrente" tentando interferir na vida dos outros. Se o casal souber lidar com essas situações impondo sua vontade e não se deixando fragilizar por elas, certamente estará caminhando na direção correta.

Lembre-se que a melhor maneira de acabar com uma situação de intromissão indesejada é ignorá-la. Foi o que você acabou fazendo. Escândalos, brigas, ou bate-bocas só acabam dando ao intruso um poder que ele na verdade não tem. Com relação à sua indignação, tente não alimentá-la torturando-se com pensamentos recorrentes. Direcione sua energia para algo que realmente valha a pena.

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga Anette Lewin responderá sobre relacionamento amoroso, conflitos na vida a dois e conjugal. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



Anette Lewin

É psicóloga graduada pela PUC/SP. É psicoterapeuta de adultos e adolescentes em consultório particular desde 1975 até a presente data.



ENQUETE

Você se sente seguro (a) andando pelas ruas do Brasil?





VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.