DESTAQUES

Síndrome de burnout: você sabe o que é?

Karina Simões 28/11/2018 SAÚDE E BEM-ESTAR
Síndrome de burnout: você sabe o que é?
Fonte: imagem Pixabay
O burnout é contínuo e costuma vir junto com quadro depressivo ou ataques de pânico

Por Karina Simões
 
Segundo pesquisa da International StressManagement (ISMA-BR), 32% dos brasileiros economicamente ativos sofrem da Síndrome de Burnout. Você sabe o que é essa síndrome?

A Síndrome de Burnout é uma sensação de esgotamento mental e físico sentido pela pessoa. Uma angústia e uma melancolia apertam o peito da pessoa no domingo, porque já lembram ao cérebro que a segunda-feira estará aí “batendo à porta” e, por conseguinte, trazendo todos os sentimentos de mal-estar e esgotamento mental sofridos.

Mas não é só no domingo que ela aparece. Esse esgotamento toma conta da pessoa como um todo, e sua vida parece que vai paralisar. O burnout acontece quando a pessoa sente um esgotamento mental, físico e emocional e é provocado por uma série de fatores e elementos internos e externos que levam o indivíduo à exaustão. Essa síndrome faz o indivíduo sentir-se desvalorizado, esgotado em relação às tarefas da vida e com falta de perspectivas de realização. Apresenta ainda uma alteração no humor, falta de motivação, dificuldade na concentração, estresse excessivo e ansiedade.

Não devemos confundir a Síndrome de Burnout com o estresse do dia a dia, visto que o estresse é pontual, isto é, assim que concluirmos o que está nos ocasionando, ele tende a finalizar. O burnout é contínuo e, muitas vezes, acaba vindo junto com um quadro depressivo ou ataques de pânico.

Pesquisas mostram que o estilo de vida, somado a traços de personalidade, age diretamente na causa do burnout. Por isso, é necessária a busca por profissionais capacitados que ajudem o paciente a tentar mudar seu estilo de viver; bem como alguns comportamentos, como, por exemplo, ensinar algumas técnicas de habilidades sociais, para que assim a pessoa se torne mais assertiva em suas atitudes e comportamentos. As técnicas de relaxamento e mindfulness também são recomendadas para se obter redução dos sintomas e o controle do quadro.
 
Se você tem sentido suas emoções embotadas, esgotamento mental e físico, perda da motivação e da esperança, sensação de que a vida não vale a pena, ansiedade elevada e não tem conseguido levar seu trabalho e o dia a dia como antes, procure ajuda agora! Todos esses sintomas têm tratamento e você pode voltar a sentir-se feliz e produtivo!




TAGS :

    síndrome, burnout, o que é

Karina Simões

Psicóloga clínica cognitivo-comportamental. Possui especialização em Psicologia da Saúde e Desenvolvimento pela UFRN. Especialização pela Faculdade de Medicina do IPHC da USP. Membro da Federação Brasileira de Terapias Cognitivas - FBTC. Mais informações: www.karinasimoes.com.br



ENQUETE

Você busca a tranquilidade ao acordar?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.