DESTAQUES

Onde está a verdadeira causa do sofrimento?

Ângelo Medina 18/12/2018 AUTOCONHECIMENTO
Onde está a verdadeira causa do sofrimento?
Fonte: imagem Pixabay
“Eu não procuro saber as respostas, procuro compreender as perguntas.” Confúcio

Por Ângelo Medina

Gosto muito da filosofia do Oriente por considerá-la superavançada. Diferentes correntes espirituais, do outro lado do sol poente, consideram que a percepção da realidade que nos cerca é totalmente ilusória (fictícia!). Uma das razões é que esta visão é limitada pelas nossas crenças e na maioria das vezes toda crença é limitante (saiba mais) e individualizada. Esse inclusive é um dos pilares de uma terapia breve, muita em voga na Psicologia atualmente: a TCC (Terapia Cognitvo Comportamental) que visa, num primeiro momento, dissolver essas crenças, em geral, vindas de nossa infância e educação.

Outro fator que nos faz ter uma percepção ilusória dos acontecimentos, é que por estarmos presos aos nossos cinco sentidos, isso nos dá a sensação de estarmos separados do Universo. Essa é uma das razões pelas quais os orientais não sofrem, como nós ocidentais, quando ‘perdem’ um ente querido. Eles compreendem que o ente que partiu está unido a nós e ao próprio macrocosmo, justamente por não possuir mais os cinco sentidos do corpo físico, mas os seus outros três corpos continuam mais vivos do que nunca!: o espiritual, o mental e o emocional – sobre este aspecto pretendo adentrar em um futuro post.       

Mas voltando às crenças que nos fazem tanto sofrer... Qual seria um possível caminho para poder se libertar delas?

É preciso que cada um utilize seu próprio processo criativo num sentido de “sair de si mesmo” e voar alto como uma águia para poder ver o todo. Estar sentado na sala de estar com a porta entreaberta, apenas te trará uma visão limitada do mundo.  

Outro ponto é que o nosso ego é um jogador incansável e que a tudo quer controlar, para assim poder se livrar desse sofrimento. Ele sempre dá um jeito de nos açoitar: somos conduzidos automaticamente pelos nossos pensamentos e condicionamentos, seja por culpa em relação ao passado ou pela ansiedade, desejo, medo... ou seja lá o que for...

Verdade Interior: busque nas profundezas do seu ser, com visão ilimitada, 'A PERGUNTA' e liberte-se!    

Então ao invés de se perguntar: como alivio meu sofrer em relação a isso, pergunte-se: qual pode ser a causa desse sofrimento.

E, paradoxalmente, ao descobrir as verdadeiras causas do sofrimento, você dará um passo adiante para descobrir as verdadeiras causas da felicidade: tudo aquilo que dá um real sentido à sua vida. Em geral isso não é palpável e não está preso aos desejos que satisfazem os cinco sentidos.      

 

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor(a), mais perto ainda de nós. O jornalista e editor do portal Vya Estelar, Ângelo Medina, responderá perguntas ou dúvidas relacionadas a este post que você acabou de ler. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



TAGS :

    sofrimento, causa, vya estelar

Ângelo Medina

Ângelo Medina é editor-chefe do portal Vya Estelar. É jornalista e ghost writer. Com 30 anos de experiência, iniciou sua carreira na cobertura das eleições à Prefeitura de São Paulo em 1988 (Jornal da Cultura). Trabalhou no Caderno 2 - O Estado de São Paulo, Revista Quatro Rodas (Abril). Colaborou em diversas publicações e foi assessor de imprensa no setor público e privado. Concebeu o site Vya Estelar em 1999. É formado em Comunicação Social pela UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora.



ENQUETE

Como você reage às tragédias veiculadas pela mídia?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2019
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.