DESTAQUES

Retroceder nunca, render-se jamais

Ângelo Medina 23/01/2019 AUTOCONHECIMENTO
Retroceder nunca, render-se jamais
Fonte: imagem extraída do filme
“Mesmo desacreditado e ignorado por todos, não posso desistir, pois para mim, vencer é nunca desistir.” Albert Einstein

Por Ângelo Medina

O título deste post foi surrupiado do nome de um filme B -- ou Z! --  de luta, exibido há 30 anos atrás, estrelado por Jean-Claude Van Damme. 
     
Uma virtude muito apreciada pelo I Ching é a perseverança. Diversos hexagramas (capítulos) desse milenar oráculo chinês, que remonta há mais de 5 mil anos, recomenda o exercício diário dessa virtude, que segundo o oráculo, pode levar a pessoa ao sucesso ou à Suprema Boa Fortuna. Esse desenvolvimento se dá de forma gradual e assenta as bases sólidas da ascensão.

Mas como saber a hora de parar de lutar?

Quando a questão fugir do simples bom senso, onde basta somente uma boa dose de racionalidade para tomar a decisão, é preciso se silenciar... voltar-se para si mesmo e ouvir a voz da intuição (do seu Eu Superior), que tudo vê e tudo sabe... Um bom termômetro é guiar suas ações pelos seus sentimentos.

Essa resposta pode não vir de imediato, mas pode te surpreender em um sonho ou até mesmo embaixo do chuveiro.                

 

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor(a), mais perto ainda de nós. O jornalista e editor do portal Vya Estelar, Ângelo Medina, responderá perguntas ou dúvidas relacionadas a este post que você acabou de ler. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



TAGS :

    quando desistir, autoconhecimento

Ângelo Medina

Ângelo Medina é editor-chefe do portal Vya Estelar. É jornalista e ghost writer. Com 30 anos de experiência, iniciou sua carreira na cobertura das eleições à Prefeitura de São Paulo em 1988 (Jornal da Cultura). Trabalhou no Caderno 2 - O Estado de São Paulo, Revista Quatro Rodas (Abril). Colaborou em diversas publicações e foi assessor de imprensa no setor público e privado. Concebeu o site Vya Estelar em 1999. É formado em Comunicação Social pela UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora.



ENQUETE

Ninguém é muita areia para o caminhão de ninguém. Você concorda?





VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2019
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.