DESTAQUES

Como acabar de uma vez por todas com o casa-separa?

Anette Lewin 01/01/2016 PSICOLOGIA
Solução: colocar suas vontades de forma coerente e sensata

por Anette Lewin

"Já passamos por várias separações durante os sete anos que estamos juntos. Ele sempre me abandona, ofende, xinga... depois volta e aceito por amá-lo muito. Sei que estou errada, mas sei que ele também me ama, mas é imaturo. Não sei como lidar com ele. Se dou um gelo, ele some porque dei gelo, se pego no pé, ele some por que pego no pé"

Resposta: Vocês estabeleceram uma linguagem que "funciona" para os dois e a repetem insistentemente.

Através dessa linguagem você o perde por uns tempos, mas ganha a certeza de que ele volta; ele, por sua vez, ganha a liberdade de dar suas voltinhas e ainda por cima ganha a certeza de que você o aceitará de volta...

Embora essa linguagem funcione para os dois, parece que quem perde mais é você. E quem deve mudar é quem está perdendo mais, não é?

Portanto, antes de mais nada, tente entender que você nessa relação se deixa manipular pelo medo de correr riscos. Pelo "conforto" de saber de antemão os próximos capítulos dessa novela. Essa atitude defensiva mostra que não apenas ele é imaturo, você também! Se agressões verbais e atos impulsivos denotam imaturidade, acomodação excessiva também. A pessoa emocionalmente amadurecida arrisca novos comportamentos quando os antigos deixam de funcionar!

Você diz que o ama. Será? O que você acha interessante nessa pessoa? O que ela faz por você que a encanta?

Será que a relação promete alguma troca maior ou você apenas a mantém para não "morrer na praia"?

Junte todas essas questões e tente entender o que você quer dessa relação, uma vez que tudo o que você tenta dar a ele é rejeitado. Desse beco sem saída você só escapará quando souber colocar suas vontades de forma coerente e sensata. Explico: não adianta inverter os papéis e se impor na base do berro. Negocie e tente usar uma linguagem onde cada um tem o direito e a sua vez de se colocar. Esse 'casa-separa' de vocês sinaliza que vocês não sabem pensar juntos. Tentem aprender a fazê-lo!

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga Anette Lewin responderá sobre relacionamento amoroso, conflitos na vida a dois e conjugal. Esta resposta possui dois formatos: 1º formato: responder as perguntas enviadas pelos leitores. 2º) formato: de A a Z, explicar através de uma palavra em específico (verbete) o significado do que sentimos ao amar. Esta palavra será extraída de um e-mail enviado pelo leitor a esta coluna. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



Anette Lewin

É psicóloga graduada pela PUC/SP. É psicoterapeuta de adultos e adolescentes em consultório particular desde 1975 até a presente data. É coach em saúde mental.



ENQUETE

É possível ser você mesmo no ambiente de trabalho?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2019
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.