DESTAQUES

Ao amar é necessário preservar o autodomínio

Eduardo Ferreira Santos 01/01/2016 PSICOLOGIA
No esplendor do amor, é necessária a preservação do domínio de si mesmo

por Eduardo Ferreira Santos

Há, no amor, uma força mítica e misteriosa que nos arrasta ao sabor dos ventos e tempestades, em um turbilhão de emoções que nos consome e despersonaliza.

Muitas vezes, deixamos de ser nós mesmos para viver um momento sublime de encantamento e magia que nos eleva o espírito, mas nos afasta da realidade. Entregamos nosso coração, nossa alma, a alguém e, inconscientemente, esperamos a reciprocidade na mesma intensidade, o que nem sempre acontece.

Aí vem a decepção, a frustração, a dor, o sentimento de ter sido traído pelo outro, quando, na verdade, traímos a nós mesmos, esquecendo-nos de nós.

Portanto, no esplendor do amor, é sempre necessária a preservação do domínio de si mesmo. Compartilhar sim, mas nunca deixar de ser verdadeiramente o que se é em função dos desejos e expectativas do outro.

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. O psiquiatra e psicólogo Eduardo Ferreira Santos responderá dúvidas e perguntas sobre os relacionamentos de uma maneira geral, sobre autoestima e conflitos emocionais. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



Eduardo Ferreira Santos

Psiquiatra e psicoterapeuta. Obteve Titulo de Mestre em Psicologia Clínica pela PUC-SP e o de Doutor em Ciências Médicas pela Faculdade de Medicina na USP. Escreveu os seguintes livros sobre relacionamento amoroso: Casamento missão (quase) impossível; Ciúme: O medo da perda; Ciúme: O lado amargo do amor Mais informações: www.ferreira-santos.med.br



ENQUETE

A morte trágica da bancária Lilian Jamberci, vítima do "Dr. Bum Bum", trará à luz uma reflexão sobre o vício da vaidade?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.