DESTAQUES

Por que os homens fogem de mim?

Anette Lewin 01/01/2016 COMPORTAMENTO
Baixa autoestima e ir com muita sede ao pote poderá afastá-los

por Anette Lewin

"Sou bonita, atraente e tenho 36 anos. Sempre encontro alguém dizendo que me ama e que deseja ficar comigo. Mas de repente, essa pessoa desaparece e não dá notícias."

Resposta: Para alguém querer fugir é necessário que esse alguém se sinta preso, não é? Será que o problema não é esse? Será que você não está desesperada para "agarrar" alguém?

O que provoca essa reação nas pessoas? Por outro lado, você está entrando num circulo vicioso de achar que todos vão fugir e já começa o relacionamento com um pré-conceito que provavelmente rebaixa sua autoestima e... ninguém vai querer ficar com alguém que se julga perdedora, não é?

Ainda mais um ponto para você refletir: acreditar que as palavras que são ditas na fase do cortejo amoroso representam uma verdade absoluta é, no mínimo, querer se iludir.

Eu te amo

É muito fácil dizer "eu te amo" sem amar de verdade. Esse "eu te amo" nessa fase do relacionamento, em geral significa apenas que a pessoa se sente bem ao seu lado naquele momento. Não é uma promessa e nem um contrato. Essas palavras ainda são sedutoras e às vezes as pessoas esquecem que o amor é construído aos poucos e quando está pronto não são necessárias palavras para dizer que ele existe. Então, tente mudar seu foco e, ao invés de esperar que o outro fique preso a você, solte-se, seja você mesma.

Veja cada novo relacionamento que se inicia como algo único que você tem que descobrir, cuidar e se perguntar se é a pessoa que você realmente quer ao seu lado. Afinal, você também pode escolher, não é?

Essa história de se colocar passivamente como a pessoa que vai ser julgada e avaliada por outra, para ver se serve ou não, é no mínimo cruel com você mesma, não parece?

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga Anette Lewin responderá sobre relacionamento amoroso, conflitos na vida a dois e conjugal. Esta resposta possui dois formatos: 1º formato: responder as perguntas enviadas pelos leitores. 2º) formato: de A a Z, explicar através de uma palavra em específico (verbete) o significado do que sentimos ao amar. Esta palavra será extraída de um e-mail enviado pelo leitor a esta coluna. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



Anette Lewin

É psicóloga graduada pela PUC/SP. É psicoterapeuta de adultos e adolescentes em consultório particular desde 1975 até a presente data. É coach em saúde mental.



ENQUETE

É possível ser você mesmo no ambiente de trabalho?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2019
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.