DESTAQUES

Não se reconhece como dependente e assim não reconhece crise de abstinência

Danilo Baltieri 01/01/2016 COMPORTAMENTO

por Danilo Baltieri

"Meu marido está com 48 anos e usa maconha desde os 14. Está há dois meses sem fazer uso e tem alguns sintomas que acredito ser pela abstinência: sente dores de cabeça, no corpo, calafrios, suores noturnos e febre; além de irritação e nervosismo. Gostaria que me orientasse no que devo fazer. Tenho sido muito paciente e calma com suas crises, mas como ter certeza se realmente é crise de abstinência? Ele não admite, diz que os sintomas são de dengue e não quer ir ao médico para confirmar. Por favor me oriente, é um problema complicado, já que não posso contar com ajuda de familiares, pois somente eu sei que ele é dependente"

Resposta: A maconha é a substância psicoativa ilícita mais consumida ao redor do mundo. O uso continuado pode induzir quadros de síndrome de dependência e síndrome de abstinência, dentre outros problemas.

Embora nenhum dos sintomas físicos e psicológicos da síndrome de abstinência à maconha seja específico para esta droga, uma vez que todos eles podem ser vistos em quadros de síndromes de abstinência de outras substâncias, alguns deles podem de fato ser suficientemente desconfortantes a ponto de dificultar a parada do consumo da droga.

Alguns estudos apontam que a proporção de pacientes com síndrome de dependência de maconha, que registram sintomas de síndrome de abstinência, varia de 50 a 90%.

Os sintomas mais comuns da síndrome de abstinência da maconha são:

a) Nervosismo e ansiedade;
b) Irritabilidade;
c) Agressividade;
d) Perda do apetite;
e) Inquietação psicomotora;
f) Dificuldades para dormir;
g) Sonhos desagradáveis.

Os sintomas menos comuns, mas também registrados, incluem:

a) Sudorese;
b) Tremores;
c) Sensação de frio ou arrepios;
d) Humor deprimido.

Febre, diarreia, soluços, náusea, espasmos musculares, dores pelo corpo são sintomas mais comumente associados com síndrome de abstinência de outras drogas.

A gravidade dos sintomas da síndrome de abstinência da maconha depende de características intrínsecas e extrínsecas relacionadas ao usuário.

Fatores que podem contribuir para a maior gravidade do quadro:

a) Dose consumida;
b) Tempo de uso;
c) Frequência de consumo;
d) Qualidade da droga usada;
e) Uso de outras substâncias;
f) Expectativa individual negativa quanto ao término do consumo;
g) Presença de outros transtornos psiquiátricos, como os transtornos de personalidade;
h) Ausência de suporte social e familiar.

A duração e a gravidade da síndrome de abstinência da maconha podem variar bastante entre diferentes indivíduos, bem como flutuar ao longo do tempo. Geralmente, descreve-se a duração dos sintomas de abstinência da maconha de uma a seis semanas. Entretanto, é possível que os sintomas apresentem maior duração, dependendo da existência de fatores agravantes e complicadores.

É amplamente necessário que seu marido seja avaliado por um médico. Dessa forma, tanto a possibilidade de uma complicação física ou psicológica advinda do uso prolongado da droga (e de outras), quanto à existência de algum outro problema poderão ser considerados, avaliados e tratados.

 

 

 

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. O psiquiatra Dr. Danilo Baltieri responderá questões ligadas à dependência química e vícios: drogas, álcool, cigarro e psicotrópicos. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



Danilo Baltieri

Médico psiquiatra. Mestre e doutor em Medicina pelo Departamento de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Atualmente é coordenador geral do Grupo Interdisciplinar de Estudos de Álcool e Drogas do Instituto de Psiquiatria da FMUSP (GREA-IPQ-HCFMUSP).Tem experiência em Psiquiatria Geral, com ênfase nas áreas de Dependências Químicas.



ENQUETE

É possível ser você mesmo no ambiente de trabalho?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2019
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.