DESTAQUES

Homenagem: Roberto Goldkorn transcende e vem como um anjo vingador nos consolar

Redação Vya Estelar 09/01/2018 AUTOCONHECIMENTO
Homenagem: Roberto Goldkorn transcende e vem como um anjo vingador nos consolar
Fonte: imagem Pixabay
Roberto Goldkorn: escritor era um “Sócrates da era hipermoderna”

Por Ângelo Medina

Sem palavras para dizer o que representa o significado desta enorme perda. Sinto-me PROFUNDAMENTE triste com a partida hoje do meu parceiro no Vya Estelar, que acabou se tornando um amigo muito querido - um gênio da raça, da pensata, da verve e das palavras: o escritor carioca Roberto Goldkorn, 67 anos. Isso apenas para dizer uma de suas atribuições. Ele era psicólogo, Letrado (UFRJ), especialista em Feng Shui...   

Roberto foi quem mais tempo escreveu para o Vya Estelar, nos cedendo de forma altruística e dedicada seus conhecimentos preciosos. Ele escreveu no site de 2000 a 2017. Certa vez o chamei de decano, ao que ele prontamente me respondeu: “Nunca estabeleci uma relação de parceria tão longa com ninguém assim em toda a minha vida.”   

Um sábio do verdadeiro conhecimento

Meu vocabulário é incipiente e primário para traduzir em palavras a percepção e o profundo caminho trilhado por essa mente brilhante e ultradiferenciada, com seu jeitão supereloquente de trazer suas ideias iluminadas a esse planeta. Ele sabia de tudo sobre o que podemos pensar e refletir acerca do que seja o VERDADEIRO CONHECIMENTO: psicologia, psicologia transpessoal, espiritualidade, literatura, filosofia, numerologia, grafologia, feng shui, tarô, xamanismo, magia etc.

Ele enxergava um Outro Lado da mente e da natureza humana (alma!). Ele desvelava o que ninguém era capaz de captar dentro dessas diversas correntes mencionadas: foi um Sócrates da era hipermoderna.      

O livro mais criativo

Roberto Goldkorn escreveu mais de 20 livros, mas considero o mais interessante o livro “Não te devo nada!”- Bertrand Brasil do Grupo Editorial Record.  

Redigir um artigo sobre este tema poderia ser pensado por um bom psicólogo ou filósofo, mas transformar uma aparente atitude banal das relações interpessoais em um livro. Isso só poderia mesmo vir da mente do Roberto.  Quem nunca se sentiu refém emocional de alguém que lhe prestou um favor em nome do “amor” ou da suposta intenção de ajudar?     

Clique aqui e veja entrevista na íntegra feita na época do lançamento do livro

Ao fugir do desgastado tema sobre como buscar a felicidade, Goldkorn trilhou o caminho inverso e sempre se preocupou com as causas que invadiam o espaço sagrado da felicidade humana. Sua preocupação eram as relações interpessoais e sobre como lidar com sentimentos como paixão, ódio, inveja, vingança...  Cítrico, mas otimista, acreditava ser possível mudar o velho ditado “o homem é o lobo do homem” através da educação sentimental (reflexão e autoconhecimento!) 

Como um bom anjo vingador, sempre a clamar por justiça, mal partiu, e já vem sorridente, lá do Paraíso, a nos consolar. 

Olhem o que ele escreveu para nós: 

Como recomeçar do zero?
Cada 'morte' é uma chave para outra dimensão

Livro: outros destaques do autor:

"Feng Shui para Brasileiros - A Medicina da Habitação", "Feng Shui - Energia e Prosperidade no Trabalho", "Feng Shui Para Brasileiros - A Cozinha" - todos pela Editora Campus. "Solidão Nunca Mais" Bertrand Brasil.      




TAGS :

    roberto, goldkorn, escritor

Redação Vya Estelar



ENQUETE

Virtude exagerada se transforma em “pecado”?








VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.