DESTAQUES

Meu namorado me propôs um relacionamento aberto. O que faço?

Anette Lewin 01/01/2016 PSICOLOGIA

por Anette Lewin

"Ele disse que gostaria de ter um relacionamento mais aberto. Ele quer continuar comigo, pois sinto que ele me ama e sou a pessoa 'eleita' para ficar com ele. Mas antes de casar, ele quer ter a liberdade de poder viver uma experiência com outra pessoa sem se sentir culpado por isso"

Resposta: A proposta de seu namorado é de um relacionamento não convencional, ou, como se diz por aí, de um relacionamento aberto.

Ele expõe para você de uma forma sincera o que sente e o que deseja. É claro que numa sociedade onde o convencional ainda impera e a monogamia serve de base para o romantismo e para os tabus que sustentam o consumo, isso pode parecer um tanto quanto estranho.

Mas como é você que está na dúvida sobre aceitar ou não a proposta que recebeu, o mais lógico seria avaliar a questão do seu ponto de vista. Sim, é você quem deve refletir sobre sua possibilidade real de conviver com a ideia de seu namorado poder ter outra pessoa ao mesmo tempo que mantém um vínculo afetivo com você.

Existem casais que fazem esse tipo de acordo sim. De forma explicita ou não.

Tipos de relacão aberta

1º) Alguns combinam que podem ter outros relacionamentos, mas serão discretos e não falarão disso com o parceiro;

2º) Outros abrem o jogo e relatam seus outros relacionamentos para o parceiro oficial;

3º) Existem ainda aqueles que, de comum acordo, envolvem terceiras pessoas na relação afetiva e/ou sexual do casal.

Assim são alguns casamentos... A maioria dos relacionamentos porém, ainda é "convencional": o casal promete fidelidade perante a sociedade e perante o parceiro e... faz o que bem entende. Sem muita explicação ou discussão. E alguns casais mantêm realmente a fidelidade enquanto o casamento dura.

Como discutir a possibilidade de um relacionamento aberto

- Como você ainda não é casada, converse com seu namorado sobre a extensão da proposta dele: até quando ele quer conhecer outras pessoas?

- Como funcionaria a relação após o casamento?

- Você também pode conhecer outros homens?

Sim, é importante, no rascunho de uma relação não convencional, que se fale sobre possibilidades presentes e futuras. É claro que a vida é cheia de surpresas e seria impossível fazer um contrato de relacionamento que envolva todas as situações que possam acontecer. Mas, pelo menos as mais prováveis devem ser levantadas.

Depois disso, a bola está com você. Tente ser o mais sincera possivel com você mesma. Para muitas pessoas o relacionamento não convencional pode ser interessante na teoria, mas na prática não funciona. A capacidade de dividir afetos pode ser possivel para uns, de personalidade menos narcisista e de criação mais aberta, mas não para outros, mais carentes e de criação rígida e tradicional. Tente entender a qual desses grupos você pertence para tomar sua decisão de forma consciente e não se arrepender depois.

Vya Estelar Responde

Vya Estelar quer colocar você, querido leitor, mais perto ainda de nós. Esse profissional irá responder dúvidas enviadas pelos internautas sobre um determinado tema. A psicóloga Anette Lewin responderá sobre relacionamento amoroso, conflitos na vida a dois e conjugal. Os e-mails serão selecionados e editados de acordo com critério editorial do Vya Estelar, já que não será possível responder a todos. Seu nome e e-mail serão preservados.

ENVIAR PERGUNTA



Anette Lewin

É psicóloga graduada pela PUC/SP. É psicoterapeuta de adultos e adolescentes em consultório particular desde 1975 até a presente data. É coach em saúde mental.



ENQUETE

Você toparia ter um relacionamento de “amizade com benefícios”? Tratam-se de amigos que se tornam parceiros sexuais sem deixar isso interferir na amizade; o termo vem da expressão 'friends with benefits'.





VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.