DESTAQUES

Abrir o coração ajuda a ter melhor percepção da vida

Emilce Shrividya Starling 17/08/2016 COMPORTAMENTO
Abrir o coração ajuda a ter melhor percepção da vida
Fonte: Imagem Pixabay
Para o Yoga, o coração é um centro de energia, a morada do amor

por Emilce Shrividya Starling

Na época do Natal nós nos sentimos mais amorosos e alegres e, além de presentear parentes e amigos, ajudamos os necessitados. Desejamos que todos os seres sejam felizes e que haja paz, amor e prosperidade.

O espírito do Natal abre os nossos corações para sentirmos os puros sentimentos da amizade, solidariedade, compaixão. Celebrar o nascimento de Jesus Cristo nos faz lembrar que Deus não está distante, Deus está dentro de nós.

Sua luz acendeu a chama do amor interior em muitas almas. E, por milhares de anos, elas encontraram o Cristo interno, o Ser interior, em seus ensinamentos e se tornaram mais pacíficas, mais alegres através do amor puro de seus próprios corações.

Honrar o nascimento de um grande Mestre faz com que o amor vibre em nossa alma e, sentimos tanta gratidão por tudo que Deus nos concedeu, que queremos cantar hinos em Seu louvor.

Essas experiências de paz, amor e boa vontade são mais acessíveis nestas semanas antes do Natal, mas não deveriam ser apenas dessa época. As qualidades divinas, como generosidade, gentileza, bondade, paciência, fazem parte da natureza de nosso próprio Ser interior, que é Deus em nós.

Assim precisamos abrir nossos corações para sermos mais felizes e expandirmos compreensão e harmonia. Precisamos descobrir a fonte do amor dentro de nós mesmos. E, quando nós descobrimos esse amor, ele se espalha através de nossa alegria.

Como abrir o coração?

Na devoção da oração sincera, nos cantos dos mantras, nos hinos a Deus, no relaxamento do corpo, no silêncio de nossa mente e na paz do coração.

Quando o coração se abre, quando o amor floresce dentro de nós, reconhecemos nossa conexão com a Fonte interior e temos uma percepção melhor da vida.

Para o Yoga, o coração é um centro de energia, a morada do amor, que é a essência do Divino dentro de nós.

Várias posturas da hatha yoga abrem o coração no nível físico, mental e emocional; melhoram o alinhamento e a alongamento da coluna. Corrigem a má postura e desenvolvem mais coragem para enfrentarmos os desafios. Ajudam a combater a depressão e melhoram o estado de ânimo, trazendo mais autoconfiança.

A prática da meditação aquieta corpo e mente, fazendo o amor imergir para nossa consciência. E, assim o centro do coração se abre, nos conectando com o Ser interior. Diminui a ansiedade e harmoniza as emoções. Quando este estado de quietude acontece, os bloqueios emocionais e tensões são liberados, melhorando nosso humor e nos dando uma sensação de bem-estar.

E como disse Baba Muktananda, um grande Mestre iogue:

“Há perfeita alegria dentro do coração,
um amor como néctar.
Vá e encontre-a lá.”

Segundo o cardiologista Alejandro Junger, de Los Angeles, o corpo responde à sensação de amor liberando endorfina, que combate o estresse e diminui a pressão sanguínea.

Ele diz que nossa sociedade está em crise e que a maior epidemia da humanidade é que o coração das pessoas está fechado.

Para ele, “qualquer coisa que ajude a abrir o coração das pessoas ajudará não somente sua pressão sanguínea, mas toda a vida na Terra”.

Além de cuidar do corpo e prescrever dietas e exercícios, ele acredita que o amor é o grande curandeiro.

Ele ensina uma técnica de visualização com foco no amor para curar corpo e alma:

Para abrir seu coração

- Sente-se bem tranquilamente;

- Feche os olhos. Respire três vezes longamente;

- Depois permita que a respiração se torne bem natural e tranqüila;

- Imagine, com muitos detalhes, alguém que você ama:

- Lembre-se de quando viu essa pessoa sorrindo, seu rosto contente, suas risadas.

- Então, se imagine dizendo a ela o quanto você a ama.

O cardiologista diz que “normalmente, depois de um minuto de visualização, seus pacientes contam que experimentaram sentimentos de amor, paz e alegria”. Essa Meditação “os faz lembrar que esses sentimentos já existem dentro deles e podem reaparecer de seus próprios pensamentos”.

Abra você também seu coração, sentindo o amor interior, se tornando um veículo de Deus para expandir amor e paz onde você estiver.

Fique em paz! Namastê! Deus em mim saúda, agradece Deus em você!




Emilce Shrividya Starling

É formada em Yoga pela Federação de Yoga do Brasil e Centro de Estudos de Yoga Narayana/S.P, com aperfeiçoamento em Hatha Yoga e Meditação nos Estados Unidos. É professora de Hatha Yoga em Santos (SP), desde 1989. Atualmente ensina Filosofia do Yoga e Meditação.



ENQUETE

O Jornal da Cultura veiculou matéria apontando que o brasileiro não está animado com a Copa do Mundo. E você, está empolgado?





VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.