DESTAQUES

Florais de Bach realmente auxiliam no processo de terapia?

Rosemeire Zago 01/01/2016 SAÚDE E BEM-ESTAR
Profissionais da psicologia não devem ministrar florais

por Rosemeire Zago

"É picaretagem um profissional de psicologia querer aliar Florais de Bach ao tratamento?"

Resposta: Sim, os Florais de Bach podem ajudar. O objetivo da terapia floral é o equilíbrio das emoções, e foi criada nos anos de 1928 a 1936, pelo Dr. Edward Bach, médico homeopata, bacteriologista e imunologista. Os florais são preparados a partir de flores, arbustos ou árvores silvestres.

O floral é composto de água mineral, conhaque e essências. Os preparados com conhaque, por exemplo, não devem ser utilizados por alcoólatras ou por portadores de doenças do fígado. Nestes casos, as essências podem ser preparadas com vinagre de maçã natural. Os florais são indicados para adultos, crianças, animais e plantas, pois não têm contra-indicação ou efeitos colaterais. É importante ter cuidado na compra, buscando referências para saber se o floral é feito com os padrões estabelecidos.

Psicólogo não deve ministrar Florais de Bach

Mas apesar de todos esses cuidados, profissionais da psicologia não devem ministrar florais. Segundo o Conselho Regional de Psicologia o psicólogo que receita esses florais está em desacordo com o seu Código de Ética em pelo menos dois artigos:

Das responsabilidades gerais do psicólogo

Art. 1º
c) prestar serviços psicológicos em condições de trabalho eficientes, de acordo com os princípios e as técnicas reconhecidos pela ciência, pela prática e pela ética profissional;

Art. 38º – É vedado ao psicólogo:

d) propor atividades e recursos relativos a técnicas psicológicas que não estejam reconhecidas pela prática profissional.




Rosemeire Zago

Psicóloga com abordagem junguiana com especialização em psicossomática. Desenvolve uma abordagem voltada para o autoconhecimento e criança interior.



ENQUETE

Você se sente infeliz no trabalho?






VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.