DESTAQUES

Imagens mentais desencadeiam reações fisiológicas

Redação Vya Estelar 01/01/2016 SAÚDE E BEM-ESTAR
Imagens mentais desencadeiam reações fisiológicas
Fonte: Imagem - Pixabay
O yoga é campeão dos estados alterados de consciência

por Nicole Witek

Primeira afirmação

Nem sempre a vida está conforme queríamos e isso gera sofrimento, estresse, decepção, medo, raiva, indignação, feridas, e muitas outras emoções que abalam o equilíbrio e a serenidade.

Segunda afirmação

Aprender o funcionamento do espírito é possível. Ele se compõe de uma mistura complexa de pensamentos, ideias, histórias e impulsões, preferências e emoções. Usando o sentido da observação é possível entender como os pensamentos e sentimentos distorcem a sua experiência e se tornam obstáculo à busca pela felicidade, pelo relaxamento, a sua eficiência e finalmente à sua cura.

Terceira afirmação: o yoga ajuda a treinar a atenção

O yoga ensina a focar a atenção.

O yoga é o campeão dos estados alterados de consciência. O relaxamento profundo é um deles. Assim podemos escolher os pensamentos e principalmente as imagens mentais que nos ajudaram para, no caso do artigo de hoje, a cura. Quando estamos num estado de relaxamento, o fato de “silenciar a mente preocupada” dá espaço às forças embutidas de recuperação de cada órgão, cada célula. Numa linguagem mais moderna, fala-se de auto-hipnose: saindo do estado de vigília corriqueiro para entrar num estado próximo ao transe consciente, onde se fabrica imagens mentais nítidas e que, mantidas por um certo tempo sobre a tela mental, programam o ser na profundidade .

Esclarecidos os três itens acima, posso começar a falar da autocura

Em caso de mal-estar físico e de doença, e até mesmo de cirurgia é possível a autocura, através da “fabricação consciente” de imagens mentais, do relaxamento da preparação do corpo.

Por quê?

Grave bem isso na sua memória e para SEMPRE:

Porque as imagens que elaboramos em nossas cabeças desencadeiam reações fisiológicas. Por exemplo, quando estamos preocupados, nossos músculos se contraem: pescoço, ombros e maxilar; fabricamos mais cortisol (hormônio do estresse) e mais noradrenalina (o que gera insônia), urinamos mais frequentemente, nosso sistema imunológico se torna menos eficiente para nos proteger.

E o contrário também vale... Se imaginarmos eventos agradáveis, nossa pressão arterial vai baixar, nossos músculos irão relaxar e nosso sistema imunológico funcionará corretamente, nossos intestinos e nossa digestão funcionarão melhor.

A tal ponto que hospitais americanos introduziram as técnicas de visualização para acelerar a recuperação nos protocolos de cirurgia. No próximo artigo, conduzirei uma visualização desse tipo para você vivenciar essa maravilha. Por hoje, entenda como funciona.

No hospital Mount Sinai, em Nova York, pacientes praticaram uma visualização, conduzida várias vezes, antes da cirurgia de um tumor no seio. Constataram que o nível de ansiedade dos pacientes é mais baixo, não sofrem tanto, não geram tantas complicações e recuperam-se mais rapidamente. E constataram ainda mais: a hospitalização desses pacientes ficava em torno de US$ 770 a menos que dos outros pacientes que não fizeram as visualizações.

E ainda mais fantástico. Em outro estudo, pacientes que iriam receber uma cirurgia ouviram a descrição de como o corpo é capaz de desviar o fluxo sanguíneo de uma região para outra com um simples comando EMOCIONAL. Foi explicado para esses pacientes como o próprio sangue poderá ser desviado do local da cirurgia durante a operação, para diminuir as perdas sanguíneas. Quem fez esse trabalho antecipado, perdeu em media 660 cc (medido durante a recuperação do sangue feita na sala de cirurgia) enquanto os outros perderam 1 100 cc, ou seja, quase o dobro.

Todas as tradições da medicina antiga, sejam médicos, curandeiros ou xamãs, referem-se ao efeito placebo*.

Esse efeito placebo e importantíssimo nas pesquisas dos laboratórios. O efeito placebo comprova o efeito do relacionamento “corpo/espírito”. Esse efeito não pode mais ser negado.

Complementar sua cura com técnicas complementares de visualização pode ajudar a ter o sentimento de controle sobre os acontecimentos e de participar ativamente da cura.

Essas técnicas comprovaram a redução da dor e o aumento na velocidade de recuperação, não tem efeitos colaterais negativos, como é o caso de muitos remédios (antidepressores, anti-inflamatórios).

Os efeitos da visualização são TOTALMENTE POSITIVOS. O estudo ao qual me refiro foi publicado em 1998, ou seja, há 12 anos... Não acha que já perdemos muito tempo?

*O placebo é um tratamento absolutamente inativo prescrito no lugar de um tratamento ativo a um paciente. Normalmente nem o paciente nem o médico são informados dessa substituição. O efeito placebo é o efeito psicofisiológico gerado pelo medicamento desprovido de componentes ativos, ou seja, placebos. Esse efeito é totalmente independente das propriedades farmacológicas do remédio. Por extensão, podemos dizer que todos os remédios têm esse efeito antes do efeito dos componentes químicos.

**cc equivale a um centímetro cúbico, que corresponde a 1 mililitro, ou um milésimo de um litro. Por exemplo, 750cc equivalem a 0,75 litros.

Leia os artigos nos seguintes links
:
http://www.thebodysoulconnection.com/Newsletter/issue7.html
http://www.gyneweb.fr/Sources/congres/aa/ttgyn/ttplaceb.html
Journal of the National Cancer Institute :
http://jnci.oxfordjournals.org/cgi/content/short/99/17/1304
Conclusions: Hypnosis was superior to attention control regarding propofol and lidocaine use; pain, nausea, fatigue, discomfort, and emotional upset at discharge; and institutional cost. Overall, the present data support the use of hypnosis with breast cancer surgery patients.




Redação Vya Estelar



ENQUETE

Paulo Coelho diz que os grandes prazeres da vida são grátis. Você concorda?





VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2018
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.