DESTAQUES

No resgate da criança interior a recuperação da autoestima

Redação Vya Estelar 01/01/2016 ENTREVISTAS
Desvalorize o que menos aprecia

por Angelo Medina

 

Pegue este texto, leia algumas vezes com o objetivo de assimilá-lo. Em seguida, faça uma aplicação para sentir o exercício. Então, pegue uma fita, escolha uma música de fundo, que considere relaxante. Grave todo este roteiro com a música ao fundo e passe a fazer este exercício, de preferencia, pela manhã.

Vya Estelar - Como atua este exercício no indivíduo?

Sérgio Mortari - Através da energia-forma-pensamento. O positivo atrai positivo e negativo atrai negativo. Você vai estar atraindo para você energia-forma-pensamento positiva, ao criar telas mentais positivas. Isto acontece quando você relaxa, trabalha a autoestima e medita. É o que chamam infelizmente por aí de macumba. Se a pessoa está bem consigo mesma, carregada só de energias positivas, não tem energia negativa que vá atingí-la.

Exercícios podem reverter o quadro

Porque as telas mentais liberam serotoninas e endorfinas, as substancias do prazer. Desta forma você começa a fazer o caminho inverso do stress e da depressão. Estas substâncias do prazer provenientes da autoimagem positiva faz com que você aumente a sua imunidade e com isso você vai diminuindo a secreção dos hormônios do crescimento da doença que você possui. Com isso pode acontecer a regressão do stress, depressão ou mesmo uma úlcera ou um tumor. Tudo vem do cérebro.

Visualizaçôes programadas

Diretrizes que o ajudarão a formar visualizaçôes eficazes de autoestima:

O que uma elevada autoestima significa para mim em termos de comportamento? O que eu estaria fazendo se a possuísse ? Como seria o meu comportamento em função do que vejo, ouço e sinto?

Se você quer, por exemplo, criar uma imagem de você se sentindo bem a respeito das suas habilidades, precisa de mais do que uma imagem risonha de si mesmo. Esta imagem poderia significar qualquer coisa. Em vez disso, visualize que está se oferecendo para uma tarefa dificil porém gratificante. Escute alguém cumprimentando-o por um trabalho bem feito, e ouça-se tranqüilamente reconhecendo o cumprimento sem depreciar a si mesmo. Veja-se dando diariamente passos pequenos e positivos na direção da sua meta. Inclua não apenas o processo como também o resultado.

Inclua as conseqüências positivas de uma autoestima mais elevada. Veja-se tendo sucesso no trabalho, desfrutando relacionamentos mais íntimos e satisfatórios, alcançando metas. Inclua na sua visualização uma linguagem corporal positiva e possuidora de elevada autoestima: postura ereta, inclinando-se para frente na direção das pessoas. Sorrindo, braços e pernas descruzados, perto das pessoas em vez de se mantendo a distância.

Faça um pouco de cada vez

Veja-se lutando um pouco no início, e depois sendo bem sucedido. Esta abordagem tem demonstrado ser mais eficaz do que você se vir tendo sucesso desde a primeira tentativa. Veja-se gostando mais de você, e não apenas as outras pessoas o apreciando mais. Imagine-se cumprimentando a si mesmo por um trabalho bem feito, tomando um banho quente de banheira ou jantando muito bem simplesmente porque você merece. As pessoas gostam de você porque você gosta de si mesmo, e não o contrário.

Diga para si mesmo:"Estou bem no momento", exatamente como você está. Não restrinja ao futuro o seu bem-estar, depois de estar totalmente renovado.

Pense na autoestima como algo que você já possui, mas do qual está afastado.

Veja-se descobrindo sua autoestima como um tesouro perdido e reencontrado.

Veja nuvens escuras afastando-se para revelar o sol que sempre esteve presente.

Ouça uma bela música emergindo da estática à medida que você se sintoniza com o amor por si mesmo. Sinta o calor e a maciez de vestir um suéter de cashimere que não sabia onde guardara e que acabara de encontrar.

Use sempre as afirmações. Seu critico patológico o vem bombardeando há anos com mensagens negativas. As afirmaçêes são fundamentais para combater essa propaganda. Use suas afirmações durante as visualizaçôes e enquanto estiver exercendo as atividades da sua vida diária, suas afirmações atuarão como sugestões hipnóticas, reforçando as imagens positivas das suas visualizações com uma mensagem verbal orientada diretamente ao seu inconsciente.

Visualização de autoimagem

Este é o primeiro tipo de visualização de autoestima que você deve criar para si mesmo. Trata-se de uma sessão para todos os fins, destinada a corrigir a maneira como você vê a si mesmo. Você cria cenas nas quais seu comportamento demonstra que você tem valor em vez de ser desprezível, é confiante em vez de indeciso, seguro em vez de ansioso. Alegre em vez de deprimido, ama a si mesmo em vez de se detestar, é extrovertido em vez de tímido, atraente em vez de feio, capaz em vez de desamparado, bom em vez de mau, orgulhoso em vez de culpado, e que aceita a si mesmo em vez de criticar-se.

Grave as seguintes instruções e ouça-as durante a visualização.

Deite-se, feche os olhos e relaxe. Imagine que está tomando um banho de chuveiro. Sinta a água morna bater nas suas costas e percorrer todo o seu corpo. Ouça o som da água corrente. Sinta o cheiro do sabão e do xampu. Você se sente maravilhosamente bem: revigorado, aquecido e relaxado. Desfrute o puro prazer sensual. Diga para si mesmo: "Mereço apreciar isto". Usufrua a sensação de ficar totalmente limpo, sentindo-se renovado e refrescado. Agora você saiu do chuveiro e está seco. Está vestindo suas roupas prediletas. Veja suas cores. sinta a textura dos tecidos enquanto coloca lentamente cada peça sobre seu corpo limpo e aquecido. Diga para si mesmo: Mereço coisas boas. Mereço sentir-me bem.

Dirija-se ao espelho. Admire suas roupas. Veja como fica bem nelas. Espreguice-se. observe, agradavelmente surpreso, que suas dores costumeiras desapareceram neste momento. Diga para si mesmo: "Minha aparência é ótima". Arrume o cabelo da maneira que gosta. Ajeite o colarinho, sorria para si mesmo no espelho. Sinta os músculos no seu rosto formando o sorriso, olhe para você quando sorri e repare o quão mais aberto e relaxado parece.

Desvalorize o que menos aprecia

Quando vir as partes da sua aparência que realmente não aprecia, repare que elas parecem menos dominantes, menos importantes. Se algum pensamento de autocrítica lhe vier à mente, dê de ombros e deixe que se vá. Diga para si mesmo: "Estou de fato muito bem desta maneira". Vá agora até a cozinha, observe-a detalhadamente: o fogão, os armários e a pia exatamente como são. Dirija-se à geladeira e abra-a. Veja-a repleta de alimentos saborosos e nutritivos: frutas e vegetais frescos, leite e sucos, porções de carne magra - quaisquer alimentos que gostaria de comer. Abra os armários e veja vários tipos de feijão e cereais integrais e nutritivos, ingredientes saudáveis destinados à elaboração da comida de boa qualidade que você gosta de preparar para si mesmo. Diga para si mesmo: "Tenho tudo o que preciso".

Prepare um simples prato, algo delicioso e que seja para você. Pode ser uma salada, uma sopa ou um sanduíche nutritivo. Faça as coisas devagar e desfrute o processo de tirar os ingredientes da despensa, cortar o pão ou os legumes e verduras em fatias, aquecer a sopa e dispô-Ios no prato de forma atraente. Diga para si mesmo: "Mereço comer bem". Veja as cores, sinta as temperaturas e as texturas, sinta os aromas tentadores. Admire o prato que preparou. Diga para si mesmo: "sou bom nisso". Coma o que preparou, sentando-se à mesa tranqüilamente e sem pressa. Demore-se em cada mordida, degustando e saboreando cada pedaço da deliciosa comida que preparou.

Ao terminar, sinta como está satisfeito e á vontade, bem alimentado e em paz com a vida. Deixe que uma sensação lânguida de satisfação e bem-estar tome conta de você. Diga para si mesmo: "Gosto de mim mesmo. Tomo conta de mim". Agora lave o que usou. Enquanto estiver lavando, deixe cair uma xícara ou um prato e constate que se quebrou. Diga para si mesmo: "Ora, não foi tão grave". Se rótulos depreciativos como 'idiota', 'desajeitado' ou 'mau' lhe vieram à mente, intercepte-os e dê de ombros. Diga para si mesmo: "Eu me permito cometer erros". Estou muito bem desta maneira, com erros e tudo, sempre faço o melhor que posso.

Prepare-se agora para sair de casa. Você está indo dar um passeio, saia e ande pela rua. Ë um dia ensolarado, quente e agradável. Desfrute a sensação de seus músculos se movendo, dos seus pulmões respirando o ar puro e fresco, do calor do sol nos seus ombros. Observe como dores usuais parecem ter desaparecido neste momento. Repare como tudo está claro e revigorante. Ouça os passarinhos cantando, um cachorro latindo ao longe, os carros passando, a música tocando em algum lugar num rádio. Diga para si mesmo: "sou capaz de desfrutar as coisas simples da vida".

Veja uma pessoa caminhando na sua direção, alguém que já viu antes mas que realmente não conhece. Essa pessoa o olha nos olhos e sorri, você acena com a cabeça e baixa rapidamente o olhar, interrompendo o contato visual, sinta o leve alvoroço no peito, o pequeno esmorecimento ou gélico solavanco de adrenalina que você geralmente sente e chama de timidez ou reserva. Veja agora uma outra pessoa que não conhece se aproximando. Novamente, ela o olha nos olhos e sorri. Desta vez, mantenha o contato visual e sorria levemente de volta. Diga para si mesmo: "Estou disposto a correr riscos"

Mais uma vez, veja alguém que não conhece aproximar-se e sorrir para você. Mantenha o contato visual, dê um amplo sorriso, e diga em alto e bom som: "olá, como vai?" Continue a caminhar pela calçada, sorrindo levemente e dizendo para si mesmo: "sou extrovertido e confiante".

Prepare-se agora para encerrar a sessão. Lembre-se do seu ambiente imediato. Quando estiver pronto, abra os olhos e levante-se. Quando estiver seguindo sua rotina diária, lembre-se desta visualização e repita para si mesmo suas afirmações:

Afirmações

Tenho coisas boas.

Mereço sentir-me bem.

Minha aparência está ótima

Estou muito bem exatamente do jeito que sou.

Tenho tudo o que preciso.

Mereço comer bem.

Tenho habilidade para fazer as coisas.

Gosto de mim mesmo.

Tomo conta de mim mesmo.

Permito-me cometer erros.

Estou muito bem assim, com erros e tudo.

Sempre faço o melhor que posso.

Sou capaz desfrutar as coisas boas da vida. Estou disposto a correr riscos.

Eis algumas outras sugestões para as cenas de autoimagem: marcando uma hora no médico para um check-up, recebendo graciosamente cumprimentos de terceiros, saindo para comprar roupas ou móveis novos, comprando vitaminas, cosméticos ou equipamento de exercícios, apreciando o exercício físico ou as atividades culturais, passando mais tempo sozinho e desfrutando a própria companhia, tendo sucesso numa atividade esportiva, divertindo-se com sua recreação favorita.

Escolha estas ou outras situações nas quais costuma ser duro consigo mesmo ou que significariam que você teria elevado sua autoestima se envolvesse nelas. Certifique-se de seguir as regras a respeito de visualizar um comportamento óbvio, incluindo uma imagem corporal positiva, enfatizando primeiro a auto-aceitação e vendo-se como estando bem no presente.




Redação Vya Estelar

Ângelo Medina é editor-chefe do portal Vya Estelar. É jornalista e ghost writer. Com 30 anos de experiência, iniciou sua carreira na cobertura das eleições à Prefeitura de São Paulo em 1988 (Jornal da Cultura). Trabalhou no Caderno 2 - O Estado de São Paulo, Revista Quatro Rodas (Abril). Colaborou em diversas publicações e foi assessor de imprensa no setor público e privado. Concebeu o site Vya Estelar em 1999. É formado em Comunicação Social pela UFJF - Universidade Federal de Juiz de Fora.



ENQUETE

Você acredita na lei de causa e efeito ou lei do carma?





VOTAR!
Vya Estelar - Qualidade de vida na web - Todos os direitos reservados ®1999 - 2019
O portal Vya Estelar não se responsabiliza pelas informações e opinião de seus colunistas emitidas em artigos assinados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação.